World Travel Guides


Ilhas Caimãs - Off the beaten track



				A paisagem idílica de Blue Lagoon, Grande Caimã

Caimã Brac

Tendo ido buscar o seu nome à palavra gaélica para "escarpa", Caimã Brac eleva-se a 45 m acima do mar no seu extremo leste. Grande parte da ilha ainda não foi tocada por mão humana, se bem que haja algumas aldeias e estâncias turísticas. Caimã Brac está coberta com pomares, orquídeas e cactos e rodeada por belas praias. Os espeleólogos deliciar-se-ão com as grutas da costa norte e da escarpa, onde conta a lenda estar enterrado um tesouro dos piratas. A estrada até ao cimo da escarpa passa por uma reserva de papagaios que alberga a variedade nativa da ilha, de cor verde esmeralda. Infelizmente, a reserva não se parece muito com um paraíso de papagaios, que preferem deambular pela cidade onde há muito mais comida. A reserva também oferece visitas guiadas ao longo de um trilho de natureza com 3 km. No minúsculo Museu de Caimã Brac , em Stake Bay, na costa norte, poderá admirar utensílios de construção naval e de cozinha.

O local de mergulho mais famoso de Caimã Brac é um navio de guerra russo, afundado propositadamente em 1996, para dar aos mergulhadores a oportunidade de brincarem à Guerra Fria. Entretanto, o navio está a transformar-se num belo recife artificial.

Pequena Caimã

Apesar de ser apenas um pouco mais pequena do que Caimã Brac, a Pequena Caimã é muito mais remota. Estima-se que a população permanente da ilha se situe entre 40 e 100 pessoas, se bem que em cada dia haja muito mais mergulhadores do que residentes. Para além dos seus tão famosos locais de mergulho - como Bloody Bay Wall e Jackson Point na costa noroeste - Pequena Caimã é um paraíso para as aves. A Reserva Natural Booby Pond alberga uma das maiores populações mundiais de mumbebos-de-patas-vermelhas e uma grande colónia de fragatas. Pode visitar-se o farol da ponta oeste da ilha, de onde se avista Caimã Brac, situada a 10 km de distância.

Há um centro de informações do National Trust sobre Booby Pond, com informações sobre as aves e uma plataforma de observação com binóculos. Também existe um museu onde, na sua única sala, estão expostos artefactos locais e objectos encontrados na praia.

Gruta dos Piratas de Bodden Town

O facto de ter de se passar por uma loja de recordações para se entrar nas grutas é indicador do kitsch que as caracteriza. Conta-se que os piratas costumavam guardar o produto das suas rapinas neste labirinto e que ainda há um tesouro escondido algures. Actualmente tudo não passa de uma profusão de caveiras e tíbias fluorescentes, toscos espantalhos encimando chapéus de piratas e papagaios berrando "aarrgh me hearty". Tolo mas divertido. Na estrada que conduz às grutas há sepulturas de piratas - tal como acontece com a maior parte dos túmulos nas Caimãs, os mortos são quem desfruta as mais belas vistas. Bodden Town fica a leste Georgetown, na estrada principal em direcção a East End.



Hosting by: Linux Hosting
Travel Guides | Guides Site Map | Indian restaurant | Daily deals
© WorldGuides 2019. All Rights Reserved!